Loading...

domingo, 11 de março de 2012

Depoimento de Antonio Candido no Simpósio Graciliano Ramos - 75 anos do ...

 Angústia 

 Obra do escritor alagoano Graciliano Ramos foi lançada em 1936, quando o autor estava preso sob o regime de Getúlio Vargas; livro, que é comparado a Crime e Castigo, de Dostoievski, ganha nova edição e simpósios literários pelo País

 75 anos de Angústia 

Escrito em ambiente de desassossego e intrigas, em plena repressão do governo Getúlio Vargas, Angústia reflete o desconforto do autor com a situação de insegurança em que vivia. "Falta-me tranqulidade, falta-me inocência, estou feito um molambo que a cidade puiu demais e sujou", pensa o narrador. Graciliano foi levado preso pouco depois de revisar as últimas páginas do livro.

 Fonte:  http://brasil247.com/pt/247/cultura/15225/75-anos-de-Ang%C3%BAstia.htm




Nenhum comentário:

Postar um comentário